terça-feira, 3 de maio de 2011

O fracasso está presente enquanto você não tentar mudar.

Uma das coisas mais comuns é nos pegarmos estáticos reclamando de uma situação que não muda.

O tempo passa e nada. Tudo continua igual.

Culpa do chefe, da crise, do mercado, da família, da falta de tempo, e pode até sobrar para o cachorro.

Quando questionados, transferimos a culpa e tiramos de nossas mãos a responsabilidade.
Mas por que será que mesmo estando numa situação ruim, ainda assim não abandonamos a nossa posição?

A maioria diz que não há o que fazer e que não está nessa situação porque quer estar.

Contudo, uma das coisas que observo é que muita gente tem, não só a capacidade, mas os recursos para promover a mudança que deseja.

E  por que essa postura estática?
Por medo de errar. Medo de fracassar.
A simples existência na mente dessa possibilidade é o necessário e suficiente para preferir manter-se imóvel.

Muitas vezes, a pessoa até ensaia algum movimento, mas experimenta só com uma parte pequena de si mesmo. Entra só com uns 10%. O medo de errar é tamanho que ele prefere ficar mais perto da situação anterior para que o caminho de volta seja mais curto.

Você já prestou atenção no motivo pelo qual o medo de errar nos apavora tanto?

A resposta é porque não nos permitirmos errar. Quando erramos somos implacáveis com nós mesmos. Não nos perdoamos. Se isso já aconteceu alguma vez lá no passado, então tudo se passa hoje como se tivéssemos tido uma única chance.  Se ela não emplacou, então agora é tarde.

Esse medo de errar é a ponta da lança de nossa arrogância. Uma arrogância tão grande que só de imaginar que tenhamos de dar explicações aos outros sobre nosso fracasso, ela não nos permite dar único passo.

Mas se você quiser mesmo avaliar sua capacidade de promover uma mudança reveja o seu passado. Observe que tudo, absolutamente tudo, que considerou uma vitória em sua vida - a despeito do tamanho ou da importância - foi exatamente porque você decidiu arriscar. 

Portanto, se quiser mudar algo para se sentir melhor, olhe para o que já conquistou. Olhe para as suas vitórias passadas. Nelas estão as provas do quanto você foi e é capaz.

Em outras palavras, mova-se!!!

Leve para sua empresa ou instituição uma de nossas palestras ou workshops sobre Inteligência Emocional, Eneagrama e Coaching.
.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...